.
em foco...
História, PALOP

Bissau despede-se de Carmen Pereira

mediaCarmen Pereira empunhando a sua arma.1963-1973Fundação Mário Soares

O corpo de Carmen Pereira foi sepultado na  quarta-feira em Bissau. As exéquias fúnebres da antiga presidente do Parlamento da Guiné-Bissau, por indicação da família e da direção do PAIGC, foram conduzidas exclusivamente pelo Governo demitido.

 

Carmen Pereira foi a primeira presidente da Assembleia Nacional Popular (ANP) da Guiné-Bissau e também a única mulher a ocupar, interinamente, a cadeira da Presidência do país em 1984.

Carmen Pereira 0

A antiga combatente pela independência da Guiné-Bissau e dirigente do PAIGC (Partido Africano da Independência da Guiné e Cabo Verde) faleceu aos 79 anos de idade, no sábado, em sua casa, no seguimento de uma indisposição súbita.

Era uma das figuras icónicas do PAIGC, integrou a primeira mesa da ANP e era a única pessoa viva que tinha feito parte da mesa na sessão parlamentar em que Nino Vieira leu a proclamação da independência, a 24 de Setembro de 1973.

Presidiu a ANP em 1984 e durante alguns dias substituiu o chefe de Estado Nino Vieira. Carmen Pereira foi a primeira e a única mulher Presidente da Guiné-Bissau. E foi a primeira mulher a assumir o mais alto cargo de uma nação africana.

Até ao dia da sua morte, Carmen Pereira esteve ao lado do executivo demitido a 12 de Maio. Elenco que visitou no sábado passado.

As exéquias fúnebres da antiga presidente da ANP, por indicação da família e da direcção do PAIGC, foram exclusivamente da responsabilidade do Governo demitido. Mesmo que a nova equipa governamental tenha criado uma comissão para o efeito.

A organização do funeral não deixou contudo de ocasionar fricções entre o executivo demitido e o governo encabeçado por Baciro Djà, num contexto já por si cada vez mais tenso, com o apertar do cerco em torno dos membros do governo de Carlos Correia que continuam a ocupar o palácio do governo.

Mais pormenores com Mussa Baldé.

Fonte:http://pt.rfi.fr/guine-bissau/20160608-bissau-despede-se-de-carmen-pereira

Anúncios

Discussão

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

O Observatório

Este observatório é uma iniciativa do Grupo de Estudos Africanos vinculado ao Instituto de Relações Internacionais da Universidade de Brasília (GEA/IREL-UnB), que busca refletir sobre a vida política, social e econômica da África contemporânea, com destaque para sua inserção internacional. Preocupando-se com o continente marcado pela diversidade, o Grupo de Estudos Africanos, por meio do Observatório, propõe um olhar crítico e compreensivo sobre temas africanos, em suas mais diversas dimensões.
%d blogueiros gostam disto: